Como o Grupo Nomura tornou a Controladoria peça fundamental na expansão da empresa

SOBRE A EMPRESA

O Grupo Nomura possui mais de 18 anos de experiência no varejo, período em que conquistou números expressivos: hoje são mais de 250 colaboradores, avançam para a abertura da 23ª unidade de negócio, são responsáveis pela operação de franquias de 6 grandes marcas: Arezzo, Schutz, L`Occitane Provence, L`Occitane au Bresil, Adidas e Saltô, sendo considerada ainda a Franquia Schutz que mais vende no Brasil.

DESAFIOS ENFRENTADOS

Cliente Treasy há quase 3 anos, o Grupo se deparou em 2015 (na época com 14 lojas) com dois desafios: preparar um departamento de controladoria que desse apoio ao crescimento do grupo e ter uma maior mensuração dos resultados para bonificar de forma variável alguns colaboradores estratégicos.

Na época o Grupo Nomura possuía um departamento financeiro bastante enxuto e analisavam os resultados somente pela ótica de caixa em uma planilha eletrônica, o que resultava muitas vezes em uma análise defasada (os números demoravam a serem consolidados) e sempre com a insegurança sobre a integridade dessas informações. Cada unidade nova aberta pelo grupo representava uma nova aba na planilha e um risco enorme de conflito com as fórmulas existentes.

ESTRATÉGIA ADOTADA

Com estes desafios em mente, Guilherme Faraco, na época atuando no financeiro do grupo, começou a pesquisar por dicas e boas práticas para estruturar a área de forma de que suportasse a escala da empresa.

O Treasy surgiu como referência nos conteúdos que consumia e logo Guilherme estava convencido que poderíamos contribuir com o know-how e com a sistematização da controladoria da empresa.

Ao avançar com a implantação, o primeiro desafio foi algo bem comum no varejo: projetar e acompanhar a projeção de um grande mix de produtos. Neste ponto os consultores da Treasy tiveram o papel de auxiliar no encontro de um equilíbrio: uma abertura dos produtos que possibilitasse uma boa capacidade de análise para tomada de decisão, mas que também não onerasse tempo para a projeção e manutenção da estrutura.

Em cerca de 1 mês o Treasy estava implantado. Segundo Guilherme, “este processo até poderia estar em planilhas, mas a insegurança nos números e o trabalho operacional para chegar no nível de detalhamento que tem hoje, faria o processo todo perder muita velocidade e credibilidade”, o que não acompanharia a velocidade que precisava na geração de suas análises.

RESULTADOS ALCANÇADOS

Quando questionado sobre o principal fator de sucesso na implantação do Treasy, Guilherme conta que “o compromisso de analisar os números por caixa e competência, com a possibilidade de ter mais pessoas analisando sua participação no resultado, foi fundamental para a solução ter adesão. Agora o Grupo Nomura conta com mais colaboradores olhando para o norte da empresa”.

Segundo Guilherme os resultados da implantação do Treasy não podem ser analisados de forma isolada. É preciso olhar para toda a cultura de planejamento e análise de resultados que foi criada como consequência da adoção da solução.

Hoje o Grupo Nomura apura os resultados mensalmente com análises por loja, por marca e também do grupo como um todo. Detalhes que não possuíam antes da adoção da solução por conta do volume de trabalho para gerar este tipo de análise.

Um exemplo prático das mudanças está na apuração do CMV (Custo da Mercadoria Vendida) do grupo, anteriormente apurado pelo regime de caixa o indicador sofria muita sazonalidade por depender das condições de pagamento dos fornecedores.

Com o Treasy começamos a ter um apurado do markup efetivo mês a mês, analisando inclusive ações promocionais em determinadas unidades e qual o impacto financeiro dessa ação, se o ganho de venda foi suficiente para compensar a perda de margem
Guilherme Faraco - Gerente de Operações - Grupo Nomura
Guilhereme Faraco
Gerente de Operações

Mas Guilherme pontua que a cultura que se criou ao redor do orçamento foi o maior benefício da implantação e do trabalho realizado com a Treasy. A antiga apresentação de resultados que era passiva de ações, visto que o resultado já estava defasado, hoje dá lugar à uma reunião estratégica onde conseguem inclusive identificar novas oportunidades e tratá-las com maior diligência, entendendo o potencial de novos negócios para o grupo. “A projeção de resultado só ficou mais palpável a partir da implantação do Treasy”, comenta Guilherme.

Cultura orçamentária

implementada em toda a empresa

Maior confiança

nos dados gerados para análise de relatórios

Menor trabalho

operacional com a ferramenta Treasy

Buscando os mesmos resultados para sua empresa? Converse com a gente!

Como a Treasy auxilia centenas de empresas a alcançarem seus objetivos com planejamento e orçamento