5 estratégias de gestão para alavancar o seu negócio

Publicado dia 14 de março de 2018

O termo gestão costuma dar a sensação de algo complexo e, por mais doloroso que seja assumir, realmente é uma tarefa difícil. Quando o assunto é gestão de empresas, ela está sempre relacionada a diversos fatores que devem ser observados de perto para a saúde e sucesso do negócio.

Por isso é preciso que essa gestão, em todos os níveis da organização, seja o mais estratégica possível, já que influenciará diretamente nos resultados do negócio.

Pensando em ajudá-lo, preparamos um conteúdo com estratégias de gestão, mostrando como identificar e implementar algumas técnicas. Para isso, trouxemos diferentes exemplos práticos para que você possa aplicar na sua rotina de maneira fácil e rápida.

#1: Análise Geral ou 360º

Antes de iniciar qualquer estratégia, independentemente do setor, é necessário fazer uma análise geral da empresa, também chamada de 360º, que consiste em identificar todos os fatores internos e externos que podem afetar o desempenho da sua organização.

Entretanto, antes de mudar algo na empresa, comece olhando para fora, foque no seu público-alvo, fornecedores, concorrentes, setor, etc. Dessa forma, você evita fazer mudanças desnecessárias.Estratégias de Gestão

Nessa fase do processo, você irá se deparar com várias oportunidades como, por exemplo, ofertas, empréstimos, ações de engajamento, de melhorias, cortes, entre outras opções. É um mundo de possibilidades e você precisará manter os pés no chão e trabalhar de acordo com o que é possível executar e rentável para a empresa.

Por exemplo, após avaliar a empresa, você detectou várias oportunidades de melhorias, mas não tem como implementá-las, pois não tem capital. Nesse momento, você pode buscar as opções que façam sentido para sua empresa e, principalmente, para o seu bolso.

Para ficar mais claro sobre o que estamos falando, vamos pegar o exemplo da Denise. Ela criou um e-commerce para aluguel de brinquedos infantis. Para isso previu no plano de gestão do negócio a solicitação de crédito para terceiros. Ela utilizou o empréstimo para empresas, coletivo e 100% on-line, o que fez com que ela conseguisse capital de giro, sem muita burocracia e com taxas mais atrativas. Às vezes, é importante abraçar as oportunidades ao invés de descartá-las. Fique atento!

#2: Identifique e invista no diferencial da sua empresa

Toda empresa quando nasce, ou pelo menos a maioria, tem um propósito. Entretanto, só isso não basta, é necessário um diferencial competitivo. Por exemplo, você quer abrir uma empresa de bebidas que vai fabricar e comercializar desde refrigerantes e sucos até bebidas alcoólicas. A ideia é ótima, pois são líquidos consumidos diariamente, mas, qual será o diferencial competitivo da sua marca para brigar com grandes marcas? Como sua marca competirá com a Coca-Cola? É necessário pensar em qual será o seu diferencial, ou seja, o que fará um consumidor comprar de você e não do seu concorrente.

Após identificar seu diferencial, invista nele! Utilize-o como marketing. E, se possível, incorpore-o à sua marca, identidade, e, principalmente, que ele seja acrescentado no discurso da empresa, entre outras ações.

Se você é reconhecido pelo atendimento humanizado, por exemplo, destaque-o, dê mais autonomia para o setor de atendimento, dê mais atenção aos clientes, seja solícito, simpático, carismático, crie empatia e, por vezes, use de humor, quando necessário.

Outro exemplo: se seu diferencial é a rápida entrega, acrescente aspectos desse benefício desde a identidade visual ao slogan da marca! Faça campanhas focando nisso, ganhe visibilidade a partir dos diferenciais da marca. Aproveite!

#3 – Crie estratégias de marketing e comunicação

O marketing e a comunicação precisam andar de mãos dadas. Principalmente , agora, com o marketing digital, a assessoria de imprensa 3.0, os mecanismos de busca do Google, entre outros fatores que estão diretamente relacionados aos dois setores e ao sucesso da empresa. No entanto, muitos perguntarão, por qual motivo colocar tantos esforços em setores que, muitas vezes, não trarão clientela ativa e fiel.   

Pois bem, se você ainda pensa dessa maneira, vamos precisar voltar alguns anos, quando as marcas não eram ativas nas redes sociais, quando não existia LinkedIn, Instagram, influenciadores, entre outros, tudo isso que é essencial para a sobrevivência de uma marca hoje em dia.

Mídias Sociais

Então, se a sua empresa ainda não tem redes sociais, e-mail, e-commerce ou algo do gênero, faça o quanto antes! Todos os canais mencionados acima, como o Facebook, e-mail marketing, entre outros, têm a capacidade de levar clientela à sua empresa. Invista neles, pois o custo é consideravelmente baixo e o retorno é vantajoso quando comparado com outras opções.

Como funciona? Com a chegada da Internet e a força conquistada durante os últimos anos, antes de comprar um produto ou escolher um serviço, o cliente irá procurar referências sobre sua empresa e, principalmente, sobre o setor, produtos e a concorrência.

Entenda:

Jornada simples do consumidor:

  • O cliente identifica uma nova necessidade;
  • Faz uma busca na Internet, como no Google, Reclame Aqui, Facebook, etc;
  • Após encontrar o que estava procurando e comparar as opções tanto on-line como off-line;
  • Por último, ele entra em seu site e, se gostar das ofertas/serviços, compra no próprio site ou visita a loja física da marca.

#4: Treine sua equipe constantemente

Invista na qualificação de colaboradores! Seja telemarketing, gerentes, vendedores em lojas físicas, não importa a área ou o cargo, toda qualificação destinada aos colaboradores não é custo, é investimento. O colaborador é o seu cliente número 1, pois ele pode amar a sua marca e defendê-la para outras pessoas. Por isso, faça com que ele “vista” a camisa da empresa e, consequentemente, vire seu garoto-propaganda.

Essa capacitação constante também reflete em toda a rotina da empresa e resultados obtidos. Por exemplo,  quando o consumidor procurar pela sua marca, seja acessando seu site ou redes sociais, o colaborador que atendê-lo estará preparado, por causa da capacitação feita, e oferecerá uma experiência única ao cliente nesse momento.

Imagine que o consumidor teve problemas com uma peça comprada em seu e-commerce e decide reclamar no inbox do Facebook. Se você fez o treinamento e investiu na capacitação desse funcionário, por exemplo, arcou com um curso de gestão de crise em redes sociais ou algo semelhante, o funcionário está mais do que preparado. Por mais complicada que pareça a situação, ele conseguirá contorná-la e esse cliente além de satisfeito com o atendimento e suporte da empresa poderá recomendá-la no futuro e até indicá-la para outras pessoas.  

Por isso, é preciso alinhar o discurso com os funcionários e deixá-los a par das mudanças e novidades que estão ocorrendo na empresa. Lembre-se que, os clientes são muito bem informados, por conta do acesso rápido à informação, eles não sentirão confiança na empresa se perceberem que sabem mais que os funcionários. Fique atento!

#5: Monitore os resultados

Quando falamos de gestão de negócios não estamos apenas falando de planejamento, contas a pagar e receber, fluxo de caixa, etc, lógico que a gestão de qualquer negócio envolve todas essas frentes que são essenciais para o sucesso da empresa.

Entretanto, apenas montar o planejamento e executar as ações necessárias para atingir o objetivo não são suficientes. Por isso, o monitoramento das ações e resultados servirá para guiá-lo até o próximo passo. Dessa forma, você saberá se precisa mudar, e em que momento fazer isso, a estratégia na gestão do negócio.

Sobre o autor

Este post foi escrito pela equipe da BIVA (Bancando Ideias, Valores & Ações). Fundada em 2015, a BIVA é a primeira plataforma online de empréstimos peer to peer lending (P2P) do Brasil. Líder de mercado com mais de R$ 40 milhões concedidos em empréstimos e 1200 empresas beneficiadas.


Também publicado em Medium.

Home Fóruns 5 estratégias de gestão para alavancar o seu negócio

Este tópico contém resposta, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  Autor Convidado 1 ano, 5 meses atrás.

5 estratégias de gestão para alavancar o seu negócio

Você deve fazer login para responder a este tópico.