Orçamento de Custo dos Produtos Vendidos

Publicado dia 9 de junho de 2013

Antes de começarmos a falar sobre Custos, é importante que esteja bem claro a diferença entre Custos e Despesas. Se você ainda tem alguma dúvida ou gostaria de revisar, confira o tópico Custos x Despesas, saiba a diferença.

De modo resumido, são considerados Custos todos os desembolsos que uma empresa realizada para poder vender seus produtos, mercadorias ou serviços.

De acordo com o ramo de atuação da empresa, podemos ter basicamente três classificações de custos:

  • CPV (Custo dos Produtos Vendidos): comum a empresas que produzem seus próprios produtos;
  • CMV (Custos das Mercadorias vendidas): geralmente empresas de comercio que revendem produtos de terceiros ou empresas que terceirizam parte ou toda sua produção;
  • CSP (Custos dos Serviços Prestados): aplicado a empresas que atuam com venda de serviços, como por exemplo consultorias ou auditorias.

Existem vários métodos a apuração de custos. Vamos detalhar na sequência o método de Custeio Por Absorção, também conhecido como Custeio Integral. Este sistema apura o valor dos custos dos bens ou serviços, levando em consideração todos os custos produtivos, incluindo os custos diretos, indiretos, fixos e variáveis.

Este método é dividido em:

  • Custos Variáveis: como o nome já nos dá uma pista, são os custos que variam de acordo com a produção (que por sua vez varia de acordo com o Volume de Vendas Previsto), como por exemplos as matérias-primas e insumos utilizados na produção. Não sabe a diferença entre matéria prima e insumo, confira aqui.
  • Custos Fixos: são os desembolsos relacionados a área produtiva que terão de ser feitos obrigatoriamente, independente do volume de produção. Alguns exemplos de custos fixos: salários dos funcionários, manutenção de máquinas e equipamentos, manutenção e limpeza do parque fabril, etc. Muito importante neste item é não confundir Custos Fixos com Despesas Fixas.

No método de custos por absorção, todos os custos fixos devem ser absorvidos pelos produtos, ou seja, através de parâmetros estabelecidos pela empresa, como por exemplo o numero de horas utilizado na produção de cada item, os custos fixos são alocados ao custo de cada produto, que somado ao custo variável nos dá o custo total unitário dos produtos.

Modelo de Planilha de Custeio para Download

Aproveite também e faça o download gratuito da nossa Modelo de Planilha de Custeio por Absorção e Custeio Variável.  Basta clicar na imagem abaixo.

Modelo de Planilha de Custeio por Absorção x Custeio Variável


Também publicado em Medium.

3 comentários

Deixe um comentário

Você precisa estar logado para postar um comentário. Clique aqui para fazer o login