Menu

Controller x Contador: você sabe a diferença entre controllers e contadores ou analistas contábeis?

Publicado dia 11 de Maio de 2017

Controller x ContadorQuando vemos imagens antigas de contadores, é comum encontrarmos a figura de uma pessoa fazendo cálculos em uma calculadora (com aquele bonezinho típico). Esse é o estereótipo do Contador. No entanto, seu papel e importância na empresa evoluíram e atualmente o Profissional Contábil (Analista Contábil e o Gerente Contábil) é fundamental em um nível estratégico.

Isso porque com todo o dinamismo da atual economia, tanto as organizações quanto os seus profissionais devem preocupar-se em atingir a excelência na gestão empresarial. Quando falamos no papel do Contador nesse aspecto, ele é o responsável por dar início ao tratamento dos números, assegurando a veracidade das informações e ajudando a empresa a definir questões tributárias e fiscais.

Junto com o Contador vem o Controller, que atua na Área de Planejamento e Controladoria. Se o primeiro trata dos dados em si, é o segundo é quem auxilia na formulação do planejamento estratégico e no planejamento orçamentário, o que resulta em um forte aliado para o crescimento do negócio.

Quando falamos em Controller x Contador algumas atribuições se misturam e até surgem algumas dúvidas. Para ajudá-lo a entender melhor as responsabilidades de cada profissional, preparamos um post completíssimo.

O que faz a área de Contabilidade?

Indispensável para qualquer empresa, de acordo com a Lei 6.404/1976 a Contabilidade é obrigatória para pessoas jurídicas. Chamamos de Contabilidade a ciência cujo objetivo é estudar as variações quantitativas e qualitativas que ocorreram no Patrimônio da empresa. Nesse âmbito, todas as movimentações no Patrimônio (entradas e saídas do fluxo de caixa, por exemplo), são registrados pela Contabilidade por meio de relatórios.

O objetivo da Contabilidade é o de extrair informações relevantes para controlar as operações da empresa, facilitar o planejamento estratégico e apoiar na tomada de decisão.

Portanto, é de responsabilidade desta área o registro e a apuração dos resultados para que possa ser apurado o lucro ou prejuízo. Dentre as atividades da Contabilidade, destacam-se:

  • Mensurar dados e números de uma organização;
  • Condensar os dados contabilizados para comunicá-los;
  • Testar a veracidade das informações contábeis.

Escrituração, Demonstração Contábil, Auditoria e Análise de Balanço são alguns dos segmentos da Contabilidade, sendo que:

  • Na escrituração está o registro cronológico do patrimônio da empresa;
  • Na demonstração contábil são apresentados os resultados alcançados em um certo período (semanal, mensal, ou anual, de acordo com a necessidade da empresa);
  • Na análise de dados registrados entra o trabalho da auditoria;
  • Na análise de balanço está a interpretação de todo o trabalho contábil, que busca apresentar aos empresários e terceiros, de maneira clara e simplificada, as variações ocorridas.

Justamente por fornecer informações valiosíssimas à diretoria e por trazer segurança nos procedimentos fiscais e legais de uma empresa, a Contabilidade deve ser vista como uma aliada. O profissional que trabalha neste setor é chamado de Contador, ou Analista Contábil.  

Controller x Contador: qual é o papel do Profissional Contábil?

Controller x Contador: profissional ContábilA Contabilidade é considerada uma das profissões mais antigas do mundo. Tão antiga que remonta ao Antigo Egito, onde os Contadores eram os guardiões dos cadernos de papiro que continham os registros contábeis (tanto que até hoje, alguns profissionais contábeis se autodenominam “guarda livros”). De guardiões de livros acabaram tornando-se um dos profissionais mais importantes em uma empresa. Quer ver?

Experimente deixar de pagar um imposto como o IRPJ, ou de apresentar um balancete à fiscalização. Melhor nem pensar nisso, não é mesmo? Esse é um dos motivos pelos quais um Profissional Contábil é essencial em todo negócio.

É o contador quem organiza os registros financeiros, os balanços e os impostos, além de prestar assessoria e consultoria na gestão de empresas. Assim, na rotina de uma organização, o Analista Contábil realiza os registros contábeis, presta contas, gerencia questões contábeis e trabalhistas, faz a apuração de impostos, elabora os balancetes mensais e as demonstrações contábeis, mantém em dia os livros fiscais, entre outras atividades.

Todo mês o Analista Contábil deve prestar informações relativas ao pagamento de tributos, impostos, taxas e contribuições e às planilhas de cálculos. Para exercer sua atividade, o Contador não precisa necessariamente atuar dentro da empresa, mas é de sua obrigação ter o conhecimento de todas as suas datas, prazos, impostos e colaboradores.

Então, resumindo e complementando o que foi dito até aqui, o Contador registra o fluxo de dinheiro que segue em toda a organização e, assim, descreve a saúde financeira do negócio. Cabe a ele verificar a veracidade das transações financeiras e garantir que cada uma dessas transações esteja dentro da legalidade.

Em termos de relações com as demais áreas de uma empresa, para exercer suas atividades o Contador precisa se relacionar com toda a área Contábil e Financeira de uma organização.

Tarefas de um Analista Contábil

Analista ContábilAlém do que já foi mencionado, algumas das atividades de um Analista Contábil incluem:

  • Determinar e manter as informações de pagamentos, bem como prepará-las e processá-las mensalmente;
  • Preparar e revisar orçamentos, receitas, despesas, entradas, saídas e outros documentos contábeis;
  • Analisar e rever financiamentos;
  • Resolver quaisquer discrepâncias contábeis;
  • Estabelecer, manter e coordenar os controles contábeis;
  • Recomendar, desenvolver e manter bases de dados financeiros, sejam softwares ou planilhas;
  • Preparar relatórios contábeis mensais;
  • Interagir com auditores internos e externos para auxiliá-los a obterem informações;
  • Explicar faturas de cobrança e políticas contábeis para funcionários, fornecedores e clientes.

Claro que a lista não se encerra aqui. Como nossa proposta neste artigo é trabalhar com Controller x Contador, a intenção é passar um panorama geral de ambas as profissões. Sendo assim, dentre as diversas atribuições de um Contador, destacamos que ele é o profissional que garante a veracidade dos documentos financeiros de uma empresa.

Mas como queremos solucionar as diferenças de Controller x Contador, vamos dar uma pequena mudança de área e ver o papel do Controller.

Controller x Contador: um pouco sobre o Controller

Controller ou Business Controller é o nome em inglês para Controlador. Alguns teóricos dizem que Controllers são Contadores Gerenciais. Um ponto de vista que faz sentido se entendermos um pouco melhor sobre a Área de Planejamento e Controladoria.

Controller x Contador: profissional de contoladoriaEm linhas gerais, é o Departamento de Controladoria o responsável por coordenar o planejamento estratégico, o orçamento empresarial e o processo contínuo de geração de informações que dão suporte a tomada de decisões por parte da diretoria da empresa. Portanto, é comum – e igualmente faz todo o sentido – dizermos que a área de planejamento e controladoria tem a função estratégica de coordenar os esforços dos gestores de cada área, garantindo o cumprimento das metas e objetivos definidos pela empresa, e assegurando sua continuidade e crescimento.

Assim, o profissional que atua nessa área, ou seja, o Controller, é aquele que exerce um papel essencial para ajudar a organização a manter-se no trilho do seu planejamento estratégico, tático e operacional. Em momentos de crise, seu papel tem ainda mais relevância, pois é ele quem traça um panorama sobre a situação financeira do negócio.

Para que isso seja possível, o Controller deve ter relacionamento com todas as áreas da empresa e a Área de Controladoria deve estar integrada com todos os departamentos da estrutura organizacional. Só assim é que o Controlador consegue receber e consolidar  as informações necessárias para elaborar um planejamento estratégico eficiente e gerar relatórios de acompanhamento de desempenho como o Demonstrativo de Resultados, Demonstrativo de Fluxo de Caixa, Balanço Patrimonial (os quais são utilizados pelos gestores como base para a tomada de decisões).

Dito isso, você deve ter conseguido entender que o Controller lida com diversos desafios, em especial, citamos a Gestão Orçamentária.

Os papéis do Controller na Gestão Orçamentária

Um dos principais desafios do Controlador no que diz respeito à Gestão Orçamentária está relacionado ao tempo necessário para consolidar planilhas no orçamento colaborativo. Nesse sentido, é também papel – e um grande desafio – desse profissional reduzir o ciclo do orçamento.

Como o Controller tem uma visão 360  da empresa, torna-se especialista na Projeção de Cenários. Isso porque além de estar em constante contato com todos os setores da organização, ele está sempre de olho também nos riscos e oportunidades do mercado. Portanto, no que tange a Gestão Orçamentária, é também papel do controller trabalhar com cenários para, por exemplo, simular um aumento percentual em determinado canal de venda, simular contratações e reajustes de folha, ou ainda reduzir percentualmente as despesas de determinado departamento.

Outro papel igualmente importantíssimo é o de engajar toda a empresa com o orçamento, afinal, o orçamento empresarial é usado também como ferramenta para tomada de decisão (não tem como pensar em próximos passos de um negócio sem termos seus números projetados, concorda?).

E para se aprofundar um pouco mais na rotina de um controller, salve estas sugestões de artigos em sua lista de leituras:

Esclarecido isso, vamos então ao Controller x Contador?

Controller x Contador: principais diferenças

Começamos dizendo que um contador pode especializar-se nas mais variadas áreas. Por exemplo, alguns contadores focam em auditoria, outros em contabilidade fiscal, uma parcela em contabilidade tributária, e há um outro grupo que trabalha com custos e relatórios internos.

Também podemos dizer que os contadores trabalham para evitar fraudes e manter preciso todos os registros de contabilidade, como Demonstrativos de Resultados, Demonstrativos de Fluxo de Caixa e Balanço Patrimonial, por exemplo.

Já os controladores exercem um papel mais estratégico na organização. Muitas vezes são considerados como membros da equipe executiva. Isso faz todo o sentido especialmente se levarmos em conta o entendimento de que são eles quem analisam os números para auxiliar gestores e diretores nas tomadas de decisão.

Controller x Contador principais diferençasPara isso, uma atribuição comum ao controller é a interpretação de dados. Além disso, sua experiência e visão de negócio fazem com que controllers se envolvam com análise de viabilidade de investimentos operacionais, governança corporativa, análise de desempenho, estudo de viabilidade econômica e financeira de projetos, entre outras.

Conforme vimos no artigo A importância do Controller nas empresas: saiba tudo sobre o pilar de apoio às decisões empresariais existe o papel de Analista de Controladoria e Gerente de Controladoria. Os primeiros possuem menos experiências e investem o tempo na coleta de dados, em relatórios regulatórios e na preparação de projeções. O Gerente é o profissional que interpreta os dados e os leva para a diretoria, a fim de entregá-la informações estratégicas.

Em outras palavras:

O Profissional Contábil:

  • Registra e consolida as informações relevantes para controlar as operações da empresa, facilitar o planejamento estratégico e apoiar na tomada de decisão. Além disso, traz segurança nos procedimentos fiscais e legais de uma empresa.
  • Mantém relacionamento com as áreas Contábeis e Financeiras.

Já o Profissional de Controladoria:

  • Com base nos dados consolidados pelo contador, coordena o planejamento estratégico, o orçamento empresarial e o processo contínuo de geração de informações que dão suporte a tomada de decisões por parte da diretoria da empresa.
    Portanto, o controller vai além de uma relação contábil e financeira. Cabe a esse profissional tratar de questões estratégicas, buscando manter o orçamento empresarial sempre aliado ao planejamento estratégico.
  • Precisa se relacionar com praticamente todas as áreas dentro de uma empresa. Isso porque ele é o profissional responsável pelo planejamento, coordenação, direção e controle das atividades de curto, médio e longo prazo nas áreas de planejamento, controladoria e finanças.

Sendo assim, na relação Controller x Contador, é importante destacar que ambos exercem papéis fundamentais em uma empresa. Como toda organização nasceu para gerar lucratividade e rentabilidade, você vai concordar que sem um profissional para manter todos os dados de maneira precisa e sem um para interpretar, analisar e traduzir para a alta diretoria, seria muito difícil fazer uma empresa inteira correr em direção aos objetivos e metas, definidos no planejamento estratégico.

Conclusão

Na discussão de Controller x Contador, entendemos que ambos os profissionais são extremamente importantes em uma organização. Eles exercem papéis distintos, mas que trabalham numa mesma base: a de apoiar estrategicamente na tomada de decisão e no crescimento do negócio.

Falando especificamente de cada um, dizemos que:

  • O Contador registra e consolida as informações relevantes para controlar as operações da empresa, facilitar o planejamento estratégico e apoiar na tomada de decisão. Além disso, traz segurança nos procedimentos fiscais e legais de uma empresa. 
  • O Controller, com base nos dados consolidados pelo contador, coordena o planejamento estratégico, o orçamento empresarial e o processo contínuo de geração de informações que dão suporte a tomada de decisões por parte da diretoria da empresa. Portanto, o controller vai além de uma relação contábil e financeira. Cabe a esse profissional tratar de questões estratégicas, buscando manter o orçamento empresarial sempre aliado ao planejamento estratégico.

E se você está interessado em saber as diferenças desses dois profissionais, também vai gostar de entender um pouco mais sobre: Por que investir em uma área de Planejamento e Controladoria em sua empresa?

Somado a isso, criamos um Guia para criar uma área de Planejamento e Controladoria. Para acessá-lo, clique no banner a seguir e faça o download:

Guia para criar uma área de Planejamento e Controladoria

Neste material, você terá uma visão mais completa sobre o que faz a área de Planejamento e Controladoria, quem é o profissional de controladoria, definição de uma equipe interna ou contratação da consultoria de controladoria e os passos necessários para estruturação de uma área de planejamento, controladoria e finanças eficiente.

Mas e agora, conseguiu entender melhor sobre Controller x Contador? Como falamos, as funções e importância de ambos os profissionais vão muito além do que descrevemos neste artigo. Por isso mesmo, se você tem mais pontos positivos a destacar, nos envie nos comentários. E se esse artigo foi útil para você, compartilhe com seus colegas!

Talvez você também queira ler um destes:


Also published on Medium.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *